sexta-feira, 14 de julho de 2017

Sem ambulância, pacientes são transportados em carroceria no Piauí; vídeo




Um vídeo mostra dois pacientes e equipe médica sendo transportados na carroceria de uma caminhonete com a tampa aberta e sem cobertura, de Palmeirais até Teresina, uma distância de 108 km. A situação foi denunciada nas redes sociais pelo internauta Filipe Teixeira, que mora na frente do Hospital Municipal Aristides Saraiva de Almeida, no Sul do Piauí. A prefeitura confirmou o transporte irregular e informou que o caso aconteceu porque a única ambulância do município estava em manutenção.
Ao G1, o Filipe Teixeira revelou que a falta de ambulância vem ocorrendo há mais de cinco anos. Por conta disso, pacientes são transportados na carroceria da caminhonete da prefeitura e carros pequenos de servidores.
"Outro dia uma idosa foi transportada no porta-malas para Teresina, porque o carro já estava lotado com outros pacientes. No caso do vídeo, o casal sofreu um acidente de moto na localidade Brejinho, a 20 km da área urbana de Palmeirais. Eles esperaram socorro de 13h até 18h e quando chegaram no hospital não tinha ambulância", contou.
Morador fez denúncia em rede social sobre transporte irregular (Foto: Reprodução)
Revoltado com a situação, o internauta filmou a cena da caminhonete da prefeitura saindo do hospital com os dois pacientes para Teresina. Ele contou ter sido expulso do local pelos funcionários, quando começou a registrar o transporte inadequado, mas com ajuda do irmão e do primo seguiram o veículo.
"A mulher estava com fratura exposta na perna e mesmo assim foi colocada na carroceria da caminhonete, que estava com a tampa aberta. Foram transportados na parte externa do carro, as duas técnicas de enfermagem, um amigo do casal envolvido no acidente e as duas vítimas deitadas", relatou Filipe Teixeira.

A Prefeitura de Palmeirais informou, por meio de nota, que a ambulância do município está passando por uma manutenção e deve ficar pronta nesta quinta-feira (13). A nota confirmou que fez o transporte na caminhonete devido à ausência da ambulância. A Prefeitura disse ainda que comprou um novo veículo e aguarda entrega.
G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário