quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Em quem você vai confiar o voto para prefeito de Parnaíba?!!!

Não é tarefa fácil escolher, em meio aos que estão com seus nomes postos, aquele que governará Parnaíba pelos próximos 4 anos.

Todos os 4 - Tererê, Mão Santa, Gerivaldo e Florentino, como homens públicos, possuem suas histórias e estórias. Relembrá-las ajudará na hora da decisão? Vamos lá:
DeusimarTererê
Pela terceira vez disputa a prefeitura de Parnaíba. Como suplente de deputado, assumiu algumas vezes a titularidade do mandato, pelo maior partido de oposição do Piauí- o PSDB. Chegou a fazer oposição a Wellington Dias, mas foi omisso com relação à gestão do PT em Parnaíba. E isso deve contar. Já disputou cargos majoritários e proporcionais. Nas eleições de 2012, para prefeito, obteve votação de vereador. O que falta nele? Um discurso convincente? Há quem diga que ele faria melhor se disputasse uma candidatura de vereador para depois tentar voos maiores.Tem curso superior.

Mão Santa
Este foi deputado estadual, suplente de deputado federal, prefeito de Parnaíba, após disputar o mandato por 3 vezes, governador do Estado e Senador da República. Que trajetória política mais gloriosa?! Mas o que houve que ele vem acumulando, nas últimas eleições, derrotas sobre derrotas? No senado foi duro contra o Governo Lula e o PT. Deixou para a história a frase: “três coisas na vida só se faz uma vez: nascer, morrer e votar no PT”. E perdeu a eleição por interferência do Lula nas eleições do Piauí. Ele insiste em se candidatar a prefeito mas a população demonstra cansaço com o seu discurso. Mas, há de se perguntar: não conta a experiência administrativa de quem governou um município e depois saiu para governador o Estado obtendo quase a unanimidade dos votos deste mesmo município. O que houve? Os outros que o sucederam foram melhores? Em quê?!!!É médico.


Florentino Neto
Perdeu a chance de surpreender como administrador da maior cidade do Piauí, após a capital. Jovem, preparado, teve a oportunidade de estudar Parnaíba e seus problemas, em 4 anos que foi secretário de governo do município e vice-prefeito. Como prefeito faz uma gestão de costas para a periferia e a zona rural. Uma gestão sem obras palpáveis e sem ações que levassem a cidade a superar imensos desafios que estão aí, como: transporte público, saúde, educação, enfim, o que deveria ser prioridade zero. E o matadouro? Ele precisa inverter a pirâmide de prioridades do seu governo, porque enquanto ele  destaca como obra sua os cursos de medicina para as Universidades locais,  as escolas públicas do município funcionam mal. A saúde básica também deixa a desejar... É do PT, o que o leva a acreditar em promessas do governador Wellington Dias, seu correligionário. Merece ser reeleito? Que a maioria responda! Tem curso superior.

Gerivaldo Benício
Há 20 anos é vereador, fez o feijão com arroz. Em 2012 foi eleito no palanque de oposição mas nunca foi de fato um opositor da gestão que aí está. Deveria ter o apoio dos seus colegas vereadores, que sabem o quanto é difícil trabalhar com um prefeito que não dá muita atenção para o trabalho do Legislativo. “Ele se aposentou na Câmara mas está indicando um filho para o seu lugar”, é o que se ouve em comentários de rua. “Não quer largar o osso”, comentam outros. É preparado? Sim, estudou como os demais. Não é nenhuma sumidade mas não cabe nele a pecha de analfabeto e despreparado. Está na luta de igual para igual. Seu destaque é o trabalho junto a grupos culturais e a preocupação com a falta de políticas públicas para a juventude. Como os outros vereadores, não entende como o prefeito abandona as quadras esportivas existentes na cidade, enquanto os jovens se perdem nas drogas. Isso o credencia a ser prefeito? O tempo dirá.

Fonte: Blog do Bsilva

Homem é executado com facadas no Bairro João 23 em Parnaíba

Um homem foi executado com pelo menos três facadas, inclusive uma no pescoço. A Polícia Militar com o comandante da modulo 01, CB. Dos Santos e SD. Luís Costa, registraram o homicídio por volta das 22h30min desta quarta-feira (24/08) no Bairro João 23 ao lado da quadra poliesportiva na Rua Professora Rosa Bauer em Parnaíba (PI).
Anderson Soares dos Santos tinha 28 anos e é natural de Altamira no Pará e morava na Rua Travessa 2 do Bairro João 23 em Parnaíba. O SAMU foi ao local constatar que ele tinha falecido. A polícia fazia buscas para encontrar o acusado (os).

Os motivos para explicação do crime ainda não foram revelados. Populares disseram que a vítima é conhecida no submundo do crime. O IML (Instituto Médico Legal) e a Perícia Criminal foram chamados ao local.
Por: Denílson Freitas/Blog do Pessoa

25 anos do SENAC Parnaíba:


"Celebramos com grande alegria a nossa festa em alusão aos 25 anos do SENAC Unidade Fausto Portela Madeira em Parnaíba/PI. Durante esses anos tudo o que fizemos foi em prol da satisfação dos nossos clientes. Formamos excelentes profissionais para o mercado de trabalho, construímos laços de amizades, trabalhamos sempre em conjunto com o nosso público de forma a assegurar a qualidade na prestação de nossos serviços. Foi com honestidade e árduo trabalho que construímos o SENAC Unidade Fausto Portela Madeira.

Nosso muito obrigado a todos que fizeram e fazem parte desta grande família SENAC.


Parceiros: Hélio Bezerra, Secretaria de Transporte de Parnaíba e toda a equipe SENAC Unidade Fausto Portela Madeira."


Poderá também gostar de:

Agente aborta nova tentativa de fuga na penitenciária de Parnaíba

Um ferro foi encontrado com o detento, identificado por Júnior da Conceição Araújo.
Júnior da Conceição Araújo, usou um ferro em sua tentativa de fuga
Um detento identificado por Júnior da Conceição Araújo, preso no anexo dois da Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina, localizada na cidade litorânea de Parnaíba, tentou fugir do local na tarde desta terça-feira (23).

Segundo informações de Jefferson Dias, diretor sindical do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi), a tentativa de fuga foi abortada por um agente da unidade prisional. Um ferro foi encontrado com o detento.

Outra ocorrência 
Há treze dias os agentes penitenciários encontraram na mesma unidade prisional maconha e crack, como também celulares, carregadores, baterias, rupinol e ferros – esses que poderiam ser utilizados em uma tentativa de fuga.(Reveja matéria).

Por Priscila Caldas/GP1 | Edição: Jornal da Parnaíb

Agente aborta nova tentativa de fuga na penitenciária de Parnaíba

Um ferro foi encontrado com o detento, identificado por Júnior da Conceição Araújo.
Júnior da Conceição Araújo, usou um ferro em sua tentativa de fuga
Um detento identificado por Júnior da Conceição Araújo, preso no anexo dois da Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina, localizada na cidade litorânea de Parnaíba, tentou fugir do local na tarde desta terça-feira (23).

Segundo informações de Jefferson Dias, diretor sindical do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi), a tentativa de fuga foi abortada por um agente da unidade prisional. Um ferro foi encontrado com o detento.

Outra ocorrência 
Há treze dias os agentes penitenciários encontraram na mesma unidade prisional maconha e crack, como também celulares, carregadores, baterias, rupinol e ferros – esses que poderiam ser utilizados em uma tentativa de fuga.(Reveja matéria).

Por Priscila Caldas/GP1 | Edição: Jornal da Parnaíb

Agente aborta nova tentativa de fuga na penitenciária de Parnaíba

Um ferro foi encontrado com o detento, identificado por Júnior da Conceição Araújo.
Júnior da Conceição Araújo, usou um ferro em sua tentativa de fuga
Um detento identificado por Júnior da Conceição Araújo, preso no anexo dois da Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina, localizada na cidade litorânea de Parnaíba, tentou fugir do local na tarde desta terça-feira (23).

Segundo informações de Jefferson Dias, diretor sindical do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi), a tentativa de fuga foi abortada por um agente da unidade prisional. Um ferro foi encontrado com o detento.

Outra ocorrência 
Há treze dias os agentes penitenciários encontraram na mesma unidade prisional maconha e crack, como também celulares, carregadores, baterias, rupinol e ferros – esses que poderiam ser utilizados em uma tentativa de fuga.(Reveja matéria).

Por Priscila Caldas/GP1 | Edição: Jornal da Parnaíb

Agente aborta nova tentativa de fuga na penitenciária de Parnaíba

Um ferro foi encontrado com o detento, identificado por Júnior da Conceição Araújo.
Júnior da Conceição Araújo, usou um ferro em sua tentativa de fuga
Um detento identificado por Júnior da Conceição Araújo, preso no anexo dois da Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina, localizada na cidade litorânea de Parnaíba, tentou fugir do local na tarde desta terça-feira (23).

Segundo informações de Jefferson Dias, diretor sindical do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi), a tentativa de fuga foi abortada por um agente da unidade prisional. Um ferro foi encontrado com o detento.

Outra ocorrência 
Há treze dias os agentes penitenciários encontraram na mesma unidade prisional maconha e crack, como também celulares, carregadores, baterias, rupinol e ferros – esses que poderiam ser utilizados em uma tentativa de fuga.(Reveja matéria).

Por Priscila Caldas/GP1 | Edição: Jornal da Parnaíb

Agente aborta nova tentativa de fuga na penitenciária de Parnaíba

Um ferro foi encontrado com o detento, identificado por Júnior da Conceição Araújo.
Júnior da Conceição Araújo, usou um ferro em sua tentativa de fuga
Um detento identificado por Júnior da Conceição Araújo, preso no anexo dois da Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina, localizada na cidade litorânea de Parnaíba, tentou fugir do local na tarde desta terça-feira (23).

Segundo informações de Jefferson Dias, diretor sindical do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi), a tentativa de fuga foi abortada por um agente da unidade prisional. Um ferro foi encontrado com o detento.

Outra ocorrência 
Há treze dias os agentes penitenciários encontraram na mesma unidade prisional maconha e crack, como também celulares, carregadores, baterias, rupinol e ferros – esses que poderiam ser utilizados em uma tentativa de fuga.(Reveja matéria).

Por Priscila Caldas/GP1 | Edição: Jornal da Parnaíb

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Comissão aprova indicativo de projeto de lei da deputada Juliana

O indicativo do projeto de lei nº 18 de autoria da deputada Juliana Falcão (PMDB) foi aprovado, durante reunião da Comissão de Constituição e Justiça, na manhã desta terça-feira (23), na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi).
O projeto propõe conceder a isenção de imposto de circulação de mercadorias (ICMS) na compra de armas de fogo por policiais militares, bombeiros, policiais civis e agentes de segurança pública, que possuam autorizados por lei, o direito ao porte de arma, para uso em serviço ou fora dele, dentro dos limites da legislação vigente.
  • Foto: Lucas Dias/GP1Juliana Morais SousaJuliana Falcão
Em sua justificativa, a parlamentar diz que o projeto original, que tramita na Câmara Federal, isenta os policiais militares e agentes públicos de segurança do pagamento do IPI. No entanto, a proposta dispensava todos os impostos, contudo, a lei federal não poderia isentar sobre os tributos federais. “Desta forma, para a isenção do ICMS faz-se necessário que cada Estatuto Federado e o Distrito Federal elaborem suas próprias leis”, declarou.

TJ vai julgar promotor José Sérvio de Deus Barros nesta quinta

  • Foto: JornalespPromotor José Sérvio de Deus BarrosPromotor José Sérvio de Deus Barros
O pleno do Tribunal de Justiça do Piauí, vai julgar, na próxima quinta-feira, dia 25, o Procedimento Investigatório do Ministério Público que apurou a eventual responsabilidade criminal do promotor de Justiça José Sérvio de Deus Barros.
O procedimento teve origem a partir do processo administrativo n° 01/2014, instaurado por determinação da Corregedoria-Geral do Ministério Público, com objetivo de apurar a suposta prática do crime de uso de documento falso, tipificado no art.304, do Código Penal. O promotor supostamente teria utilizado de declaração de regularidade processual inverídica, no caso, documento que atestava “estar em dia” com as intervenções do MP, com o qual instruiu pedido de remoção, por merecimento, para a 2ª Promotoria de Justiça de Esperantina, em 17 de dezembro de 2012. Após a remoção, constatou-se que havia na promotoria de Guadalupe, um acumulo de 116 processos sem a devida manifestação ministerial.
O parecer do Procurador-Geral de Justiça, Cleandro Alves de Moura, é pelo arquivamento “tendo em vista o não reconhecimento de indicativos mínimos de conduta penalmente tipificada como dolosa por parte do investigado”.
O relator do procedimento é o desembargador Fernando Carvalho Mendes.
Outro lado
Procurado, o promotor José Sérvio de Deus Barros não foi localizado para comentar o caso.

23/08/16, 14:22 Ataques à educação, troca de farpas e confronto de propostas marcam debate


Atualizada às 15h02


O debate promovido pela TV Cidade Verde nesta terça-feira entre os nomes que disputam a Prefeitura de Teresina (23) foi marcado por um bombardeio de críticas e confronto de propostas com o candidato à reeleição Firmino Filho [PSDB] e ao jornalista Amadeu Campos [PTB]. A maioria dos ataques foi com perguntas relacionadas aos projetos na educação e mobilidade urbana.
O debate reuniu os candidatos Firmino Filho [PSDB], Amadeu Campos [PTB], Doutor Pessoa [PSD], Everton Diego [PSol], Luciane Santos [PSTU], Lourdes Melo [PCO] e QuemQuem [PTN]. Em muitos momentos, eles fizeram ataques, principalmente a atual gestão da cidade as ações desenvolvidas na cidade.
Mais ferozes nos ataques, Lourdes Melo, QuemQuem e Luciane Santos citaram problemas na educação e na mobilidade urbana no que eles consideram uma “integração que não existe” e o fechamento de creches na capital.
Nos últimos momentos do debate, os candidatos ao cargo do executivo municipal fizeram perguntas entre si, de sua escolha, sobre temas livres e variados. Cada candidato teve dois minutos para a resposta. Eles foram definidos através de sorteio.
Iniciando as perguntas, a candidata Lourdes Melo [PCO] manteve o tom agressivo e atacou o candidato Firmino Filho, acusando-o de fechar creches e retirar ambulâncias de atendimento de urgência de hospitais. “Tanta maldade, você quer destruir a saúde?”, questionou.

O prefeito Firmino Filho desviou relembrando mais uma vez as obras feitas pela prefeitura na sua gestão, como a construção de escolas, creches e as 21 unidades de educação que estão sendo feitas na cidade. “É um compromisso do futuro do prefeito amigo da criança que continua”, destacou.
Mais ofensiva, Lourdes Melo usou o tempo da réplica para reclamar mais uma vez do fechamento das creches, alegando que o atual prefeito teria destruído mais de 3 mil casas [através do Projeto Lagoas do Norte], chamando-o de golpista: “O senhor é representante do golpista [Michel] Temer no Piauí”, disse.
O candidato QuemQuem usou o tempo de pergunta para falar de política e criticou a composição da chapa para a disputa do candidato Firmino Filho frisando a formação de um blocão.
Firmino respondeu alegando que composição política diz pouca coisa na gestão da cidade defendeu a utilização de um blocão para a disputa, o que define como uma boa estrutura política para suporte, principalmente na câmara. “Sempre fizemos uma administração técnica. Como um prefeito amigo da criança indicaria um político para a pasta?”, questionou.
Doutor Pessoa, o terceiro a fazer a pergunta escolheu o candidato Amadeu Campos, perguntando-lhe sobre os projetos para educação. Amadeu afirmou também criticou o atual prefeito de Teresina, que, segundo ele, tem o título de “Prefeito Amigo da Criança” numa cidade que teria mais de 4 mil pequeninos de 0 a 3 anos fora das creches. Com números, listou algumas estatísticas que mostram a diminuição da quantidade de crianças em creches. Ele falou ainda de um projeto de gestão no qual pretende fazer um acompanhamento às mães com os filhos de 0 aos 5 anos. “Vamos fazer o programa Mãe Teresinense, que vai acompanhar a mãe, com universalização dos serviços para a mulher”, destacou.
Na réplica, Pessoa destacou algumas ações do seu plano de governo, no qual promete a implantação da educação em tempo integral, com melhoria estrutural nas escolas que segundo ele “falta cultura, arte, esporte, bibliotecas e espaço para professor”. O mesmo projeto foi defendido por Amadeu na tréplica.
Firmino Filho também direcionou sua pergunta a Amadeu Campos, questionando-o sobre propostas para a geração e emprego e renda. Este respondeu em tom de provocação, destacando que o prefeito estaria há 12 anos à frente da chefia do executivo e não teria desenvolvido ações, principalmente na zona rural da cidade, que poderia receber uma injeção de investimentos através da agricultura familiar e estímulo à produção. “Temos que usar os nossos produtos através da utilização do dinheiro da merenda escolar, tem que ser empregado com produtos feitos em Teresina. Chama os produtores e diz o dinheiro e esse aqui para comprar os produtos deles”, destacou.
O atual prefeito lembrou que as ações propostas pelo candidato Amadeu já estão em execução. “Isso já é feito. A prefeitura tem obrigação legal de comprar. Temos 14 campos agrícolas na zona rural e estamos produzindo de uma forma organizada pra fortalecer a agricultura familiar”, frisou.
Em tom agressivo, Luciane Santos usou o tempo para criticar o título de Prefeito amigo da Criança de Firmino Filho e fez uma denúncia de que professoras estariam sendo obrigadas a repor licença maternidade.
Firmino alegou que a denúncia será levada para apuração na Secretaria de Educação e destacou as ações de planejamento da cidade com a Agenda 2030, além dos investimentos com o Polo empresarial Norte, o que ele considera o “maior investimento industrial dos últimos tempos”.  “São ações para gerar empregos, principalmente para a juventude”, disse.
Na tréplica, Luciane cobrou políticas públicas para as mulheres da classe trabalhadora e reclamou da situação de professoras na cidade, que estariam sofrendo assédio moral. “Queríamos fazer um chamado para construir greve geral pra derrubar esses ditadores que estão aí, para derrubar os que só pensam em seus benefícios”, bradou.
Éverton Diego direcionou a pergunta ao Doutor Pessoa cobrando suas propostas para o transporte público. Em resposta, ele criticou a atual gestão na cidade com as ações de acessibilidade, ciclovias e a integração do transporte público. “Faltou acessibilidade e não existe qualidade e quantidade, mas indústria da multa existe: fechar retorno e a indústria da multa sim e nada foi feito”, destacou.
Everton aproveitou para uma cobrança direta ao candidato Pessoa, criticando também a relação da Prefeitura com o sindicato dos transportes, destacando suas propostas que incluem ampliação do passe livre. “Você já foi deputado e vereador e nunca fez nada sobre isso”, desafiou.
Amadeu focou o candidato Firmino Filho para a sua pergunta, questionando-o sobre as contratações na Prefeitura de Teresina cobrando-lhe a quantidade de servidores comissionados, terceirizados e serviços prestados. Firmino aproveitou o tempo livre para responder as críticas anteriores, destacando a aprovação do plano de transportes e que várias ações foram desenvolvidas na cidade diante do aumento da frota de veículos. Além disso, ele destacou a realização de concurso público. “Respeitamos o concurso público e nunca se chamaram tanto com concurso como agora”, acrescentou.