quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Lazer no SESC domingo (22)

Representantes dos professores celetistas se reúnem com prefeito e fazem reivindicações

Por quase duas horas o prefeito Mão Santa manteve hoje diálogo amistoso com um grupo de representantes dos professores celetistas do município, que foram a ele levar algumas demandas da categoria. Dentre as pautas, foi discutida a questão do pagamento dos salários em dia, reajuste salarial e realização de concurso público. Mão Santa, um dos grandes defensores da qualidade do ensino, disse que entende as necessidades dos profissionais. No entanto, ele explicou que no momento o município está passando por um processo necessário de austeridade, sendo que agora não há possibilidade de se fazer concurso, mas que essa necessidade será suprida assim que as finanças permitirem. A intenção é que isso ocorra após o teste seletivo, que deve ser realizado em breve, para que no próximo ano não haja falta de professores nas salas de aula.

O secretário de Governo, Carlos Eduardo, explicou que o grupo de gestores da secretaria de educação, junto com a procuradoria do município e da secretaria de fazenda, está trabalhando por etapas, sendo que primeiramente a meta é regularizar a data do pagamento dos docentes e, posteriormente, a elaboração do teste seletivo. Logo, se esse passo de contratação imediata de mais docentes não for executada, para o início do ano letivo de 2018 várias escolas ficariam descobertas, sem professores na sala de aula.
“A intenção do governo é resolver esta situação que está pendente, é realizar o concurso público, mas neste primeiro momento, precisamos fazer as devidas adequações. Não adianta a gente abrir um concurso agora sem ter previsão orçamentária para o pagamento mensal dos servidores”, ressaltou Carlos Eduardo.

Mão Santa concordou que o valor salarial dos profissionais precisa de reajuste e se comprometeu a pagar o piso salarial para os celetistas, orientando o secretário da Fazenda, Gil Borges, a elaborar uma remodelagem, tanto na data do pagamento dos salários, quanto em relação a valores. A intenção do prefeito é oferecer reajustes e iniciar o pagamento de salários, a partir do próximo mês, começando pelas classes que recebem menos.
“As portas do meu gabinete estão abertas e vocês podem vir aqui dialogar quando quiserem, pois fazemos um governo transparente e para o povo. O que estiver ao nosso alcance, para melhorar a educação, faremos, porque o ensino é prioridade neste governo”, garantiu o prefeito.

Otimista com o resultado da reunião, a professora Maria da Glória Vaz destacou a importância do diálogo com o prefeito. “Estamos otimistas quanto ao processo seletivo e a realização do concurso que deverá ser feito em breve. O prefeito também nos garantiu que pagará o piso salarial conforme o estudo que será feito pelo secretário de Fazenda”, comemorou.
Presente na reunião, o vereador Carlson Pessoa (PPS), líder do governo na Câmara,  disse que este é um avanço para Parnaíba, uma vez que na gestão passada, os servidores não eram sequer recebidos pelo então prefeito Florentino Neto (PT), chegando a serem barrados pelos seguranças.

“Lembro-me de vários episódios de anos anteriores em que os professores procuravam o prefeito e nem chegavam a passar da primeira porta. Era uma situação lamentável e agora eles saíram otimistas da reunião com o prefeito. Os professores que estiveram aqui, pediram para Mão Santa visitar suas escolas, e agora vamos brigar para que os provimentos sejam pagos em dia, para que os servidores não sofram mais como esse mês, que foi algo atípico, mas que não deve voltar a acontecer”, finalizou Carlson.

Edição: Jornal da Parnaíba

Multas de trânsito poderão ser parceladas no cartão de crédito

Resultado de imagem para Multas de trânsito poderão ser parceladas no cartão de créditoO Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicou nesta quarta-feira (18) uma resolução quer permite o pagamento de multas de trânsito com cartões de débito ou crédito.

O valor poderá até ser parcelado, mas com a devida cobrança de juros pela entidade financeira do cartão, como quando as compras a prazo não são parceladas pela própria loja.

A resolução já está em vigor, mas cada órgão de trânsito ainda precisa habilitar as operadoras de cartões para oferecer o serviço, que não é obrigatório.

Alguns Detrans e prefeituras já fazem parcelamentos por meio de documentos de arrecadação, geralmente com pagamento do primeiro boleto da dívida na hora de assinar o termo de adesão.

De acordo com o diretor do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), Elmer Vicenzi, muitos proprietários faziam este tipo de parcelamento apenas para regularizar o veículo, obter o licenciamento ou a possibilidade de transferência, e depois não pagavam o restante das parcelas.

Com a nova regra, cada órgão de trânsito (Detrans, prefeituras, Polícia Rodoviária, Der e Dnit) poderá habilitar empresas financeiras para oferecer a alternativa de pagamento por cartão e quitar dívidas dos proprietários de veículos.

Como o parcelamento será totalmente entre a operadora do cartão e o proprietário, o órgão de trânsito continua recebendo o valor a vista e a regularização do veículo será imediata - não precisa esperar até a última parcela.

Anteriormente, somente multas aplicadas em veículos registrados no exterior poderiam ser arrecadadas com cartões de débito ou crédito.

Fonte: G1 

Caminhão de gás atropela deficiente em cadeira de rodas em Parnaíba

Por volta das 9h30min desta quarta-feira (18) um deficiente físico foi atravessar a Avenida Coronel Lucas Correia, no Bairro Nova Parnaíba e foi atropelado por um caminhão de transporte de gás de cozinha.

Segundo populares o deficiente que faz uso de uma cadeira de rodas motorizada teria entrado na frente do caminhão e o condutor não conseguiu frear a tempo. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e prestou os primeiros socorros e em seguida encaminhou para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (Heda) em Parnaíba.
Mais detalhes em instantes

Por José Wilson | Jornal da Parnaíba | Fotos: José Neto

G.L.L CONSTRUÇÕES EM AÇÃO!

HOMENS DA G.L.L CONSTRUÇÃO TRABALHANDO INTENSIVAMENTE PARA ENTREGA DA REFORMA DA LINDA PRAÇA DA GRAÇA.
EMPRESA G.L.L CUMPRE PRAZOS E SERVIÇOS DE QUALIDADE!

SUPORTE DA EMPRESA EXCELENTE E COM RÁPIDO ATENDIMENTO.

PRF deflagra Operação Dia do Piauí 2017 nesta quarta-feira

Nesta quarta-feira (18), a Polícia Rodoviária Federal do Piauí (PRF-PI), deflagrou a Operação Dia do Piauí 2017, que acontecerá entre os dias 18 a 22 de outubro.

De acordo com o Inspetor Barros, da PRF, a operação terá como objetivo priorizar as ações preventivas para a redução da violência no trânsito. Serão feitas fiscalizações de velocidade, embriaguez, motocicletas, e ultrapassagens forçadas ou proibidas.
PRF
O balanço geral da Operação Dia do Piauí será divulgado no dia 23 de outubro.

A Prefeitura de Parnaíba tem orgulho de convidar todos os parnaibanos para a Inauguração da Reforma da Praça da Graça

A Praça da Graça tem sido, ao longo dos anos, palco de importantes eventos para a história de Parnaíba e do Piauí. A Prefeitura de Parnaíba tem orgulho de convidar todos os parnaibanos para estarem presentes na solenidade de inauguração da reforma que está deixando a praça de cara nova e dando o cuidado que aquele espaço merece. Dia 18 de outubro, às 19h.

Esbanje elegância e estilo no trabalho com lindos looks do Paraíba

Atenção mulherada. No Armazém Paraíba chegaram lindíssimas peças com ótima modela, tecidos e modelos variados para você montar os melhores looks de trabalho seja no escritório ou em ambientes menos formais. Seja qual for o lugar, no Armazém Paraíba você encontra as melhores peças com preços  especiais.
Temos calças sociais e jeans flare, reta e cintura alta, blusas e camisas de manga comprida, manga curta e sem manga, além de saia secretária, saia lápis e vestido tubinho.

Veja algumas peças da nossa vasta coleção de confecções:
O Armazém Paraíba facilita suas compras. Dividimos tudo em até 10 vezes sem júros nos cartões Credshop, Visa, Mastercard e Armazém Paraíba. Estamos situados na Avenida Getúlio Vargas, próximo a Ponte Simplício Dias, no Centro de Parnaíba. Faça-nos uma visita!

Deputada Juliana rebate líder do Governo sobre criação de cargos

A deputada estadual Juliana Falcão (PMDB) rebateu declarações do líder do Governo, deputado João de Deus (PT), de que o Estado não criou novos cargos com as novas coordenadorias instituídas na administração.
"Ninguém aqui é imbecil. Ninguém pode subestimar nosso povo do Piauí", disse.
Ela diz entender que o momento é dificuldades, mas alerta para a necessidade de mudanças.
Juliana se pronunciou em audiência pública convocada para debater proposta do Executivo, para o reajuste de impostos, realizada nesta terça-feira (17).
Sobre o tema, a deputada analisa que os seus colegas que apoiam e têm compromisso com o governo, vão votar pela aprovação.
"Vai passar, não tem jeito", afirma.

Sarau recreativo homenageia cantores nordestinos

O Sesc Beira Rio realizou o 2º Sarau Recreativo “O grande encontro” – uma homenagem aos cantores Elba Ramalho, Alceu Valença e Geraldo Azevedo. O evento aconteceu na noite do último sábado (14), no Salão de Eventos do Sesc, em Parnaíba.
Além da boa música, o público se divertiu assistindo a intervenção teatral “Nordestina” com interpretações das canções “Anunciação”, “Morena Tropicana”, “Dia Branco”, “De Volta pro Aconchego”, “Girassol”, “Chão de Giz”, “Frevo Mulher”, dentre outros grandes sucessos dos cantores homenageados, intercaladas com declamações de poesia.

O Sarau proporcionou uma noite memorável com a música agradável da geração nordestina que transformou a canção popular brasileira.

Assessoria de Comunicação 

TJD-PI exclui Parnahyba da Copa Piauí por escalar jogador irregular

A comissão disciplinar do TJD-PI, primeira instância da justiça desportiva do estado, julgou no início da noite desta terça-feira, no auditório do tribunal, a denúncia do River-PI que acusa o Parnahyba de ter escalado o atacante Felipe Garcês de forma irregular. Segundo o denunciante, o jogador tem idade abaixo da mínima estipulada para a Copa Piauí. Por unanimidade, os auditores da comissão votaram a favor da denúncia, excluindo o Parnahyba da competição e aplicando multa de R$ 1000. O presidente do Tubarão prometeu recorrer ao Pleno.

Antes do início do julgamento, a defesa do Parnahyba, desenvolvida pelo advogado Miguel Bezerra, tentou desenvolver a tese de que a denúncia teria prescrevido sobre os três primeiros jogos em que Garcês atuou (supostamente de forma irregular), e por tanto o caso só poderia ser julgado levando em consideração o útlimo jogo. A preliminar foi negada pelo presidente da Comissão Disciplinar, Marcelo Pio, que então abriu o espaço para o advogado do River-PI, Márcio Dinoco, fizesse a explanação da acusação.
O advogado riverino voltou a defender que o Parnahyba agiu de forma irregular ao escalar Garcês, nascido no ano de 2000, quando o regulamento da Copa Piauí atesta apenas a utilização de jogadores nascidos entre 1996 e 1999. Na vez da defesa, Miguel Bezerra alegou que o regulamento ia contrário a determinações nacionais, que limitava o exercício profissional e que, em caso de condenação, o tribunal estaria prejudicando a carreira de um jogador de 17 anos.

Após o tempo concedido a cada uma das partes, a votação começou pelo relator, que ressaltou que não estava punindo o atleta, e sim o clube, antes de votar pela exclusão do Parnahyba da competição, acompanhada de uma multa de R$ 1000. O voto foi acompanhado por todos os demais auditores e do presidente da comissão, Marcelo Pio, totalizando o placar de 4 0. Pio ainda votou por multa de apenas R$ 500, mas como os outros três votos foram por R$ 1000, a condenação foi pelo valor maior.

Após o fim da sessão, que durou pouco mais de uma hora, o presidente do Parnahyba, presente no local, confirmou que irá recorrer da decisão tomada pela comissão disciplinar, levando o caso até as instâncias superiores se for preciso. Além disso, o dirigente afirmou que nunca concordou com o regulamento da competição.
- O Parnahyba até esperava essa decisão do tribunal aqui, mas nós vamos recorrer até o STJD e vamos provar que o jogador pode jogar sim. E esse regulamento não tem a assinatura do Parnahyba, eu não concordei com esse regulamento - disse Batista Filho.

Robert Ibiapina, diretor de futebol do River-PI e também presente na sessão, comemorou a decisão do tribunal, apesar de afirmar que o resultado já era esperado pela confiança que a diretoria tinha na denúncia apresentada. O foco agora, segundo ele, é na decisão da Copa Piauí contra o 4 de Julho.

- Com naturalidade. Mostra que o River-PI estava certo e que o regulamento tem que ser cumprido. O advogado deles fez uma brilhante defesa, mas com argumentos que não tem nada a ver. A questão aqui é se deixou de cumprir ou não o regulamento da Copa Piauí, e deixou de cumprir. Houve o erro por parte do Parnahyba e agora é esperar os trâmites do tribunal para a gente preparar a decisão contra o 4 de Julho
A decisão da comissão agora deverá ser publicada no site da FFP e enviada oficialmente para as partes envolvidas, o que deve acontecer até a próxima segunda-feira. Após isso, o Parnahyba tem três dias como prazo para recorrer para a segunda instância.

- Nós vamos lavrar o acórdão até segunda-feira, por causa do feriado, e após eles serem notificados eles podem recorrer para o pleno - explicou o presidente da comissão disciplinar, Marcelo Pio.

Com a decisão do tribunal, aguarda-se qual será a posição da FFP sobre a realização da final da Copa Piauí, que atualmente encontra-se suspensa. Com a exclusão do Parnahyba, o River-PI, terceiro colocado na fase de classificação, assume a vaga na decisão contra o 4 de Julho, mas o resultado ainda cabe recurso.
Por Wenner Tito/G1

Ministério da Fazenda autoriza novo aumento das tarifas de serviços dos Correios

O Ministério da Fazenda autorizou, pela segunda vez este ano, o aumento das tarifas cobradas pelos Correios. Na edição de hoje (18) do Diário Oficial da União, o governo autoriza o reajuste “sob forma de recomposição” das tarifas dos serviços postais e telégraficos nacionais e internacionais. O reajuste ocorre em duas parcelas: a primeira de 6,121% será por prazo indeterminado e a segunda, de 4,094% vai vigorar por 64 meses.

A revisão das tarifas ainda depende de publicação de aprovação pelo Ministério das Comunicações, de acordo com o Diário Oficial. Com o aumento, a carta comercial de até 20 gramas passará a custar R$ 1,83. Anteriormente, o valor era R$ 1,23.

Em abril, o Ministério da Fazenda havia autorizado aumento de 7,485% nas tarifas dos serviços postais e telegráficos prestados pelos Correios. Na época, a empresa explicou que os serviços da estatal são reajustados todos os anos, com base na recomposição dos custos, como aumento dos preços dos combustíveis, contratos de aluguel, transportes, vigilância, limpeza e salários dos empregados.

As tarifas são atualizadas com base no Índice de Serviços Postais, indicador formado a partir de uma cesta de índices, como INPC, IPCA, e IGP-M.

Fonte: Agência Brasil 

CASA DE REFEIÇÕES BOM SABOR!

VISITE-NOS E CONFIRA O NOSSO CARDÁPIO DE DAR ÁGUA NA BOCA. ABRIMOS DE SEGUNDA A SÁBADO NO HORÁRIO DO ALMOÇO!
ACEITAMOS ENCOMENDAS E FAZEMOS ENTREGAS!
QUENTINHAS R$ 9,00 - LIGUE 086 9 9491-9115 OU 9 9521-8001  
RUA ALMIRANTE GERVÁSIO SAMPAIO Nº 300 BAIRRO DO CARMO!
ALUGAMOS O ESPAÇO PARA EVENTOS

Aécio comemora decisão do Senado e diz que vai provar sua inocência na Justiça

Resultado de imagem para Aécio comemora decisão do Senado e diz que vai provar sua inocência na JustiçaApós a decisão do plenário do Senado que suspendeu seu afastamento parlamentar imposto pela Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), o senador Aécio Neves (PSDB-MG) comemorou o resultado da votação. Por meio de nota, o tucano afirmou que a decisão dos senadores assegura a ele a oportunidade de “comprovar cabalmente na Justiça sua inocência”. Já parlamentares da oposição, que votaram pela manutenção das medidas cautelares, criticaram a decisão do plenário.

Por 44 votos a 26, os senadores reverteram as medidas cautelares que incluiam o afastamento do mandato parlamentar, recolhimento noturno e entrega do passpaorte. Para que uma decisão fosse anunciada, era necessária maioria de, no mínimo, 41 parlamentares. Dizendo receber a notícia com “serenidade”, Aécio Neves disse que a decisão o permitirá retomar ao mandato “conferido pelo voto de mais 7 milhões de mineiros”.

“A decisão restabeleceu princípios essenciais de um Estado Democrático, garantindo tanto a plenitude da representação popular, como o devido processo legal, assegurando ao senador a oportunidade de apresentar sua defesa e comprovar cabalmente na Justiça sua inocência em relação às falsas acusações das quais foi alvo”, escreveu a assessoria de Aécio.

Dos 81 senadores, 71 compareceram à sessão. O presidente Eunício Oliveira (PMDB-CE) se declarou impedido de votar. O encerramento da votação levou mais de 30 minutos, sob o pretexto de esperar parlamentares que ainda estavam a caminho da Casa. Um deles foi o líder do PSDB, senador Paulo Bauer (SC), que estava em observação médica após ser diagnosticado com crise hipertensiva na tarde de hoje. Ronaldo Caiado (DEM-GO), que se machucou ao cair de uma mula durante o feriado prolongado, compareceu ao Senado de cadeira de rodas, mesmo licenciado das atividades, para votar pela manutenção do afastamento. Outros nove senadores não estiveram presentes devido a viagens internacionais e licença parlamentar.

Repercussão

Para Humberto Costa (PT-PE), a decisão “amplia a falta de credibilidade no Congresso Nacional”. Segundo ele, o partido continuará insistindo na representação apresentada há duas semanas ao Conselho de Ética do Senado contra Aécio para apurar se houve quebra de decoro parlamentar. No entanto, quando houve a decisão do STF pelo afastamento do parlamentar, o PT se posicionou defendendo que o Senado tivesse a prerrogativa de revisar a decisão em defesa da independência do Poder Legislativo sobre o Judiciário.

“[A votação] representa um avanço do desgaste que o Senado está tendo. Uma demonstração de que aqueles que deram um golpe não fizeram para acabar com a corrupção no Brasil. Mas para fazer as mudanças que eles estão fazendo e prejudicar a população mais pobre”, avaliou.

Colega de partido de Aécio, o senador Cássio Cunha Lima (PB) defendeu a legitimidade da votação, argumentando que, se o resultado fosse o contrário, poderia haver repercussões nas assembleias legislativas e câmaras municipais espalhadas pelo Brasil, em que o Poder Judiciário poderia decidir acolher medidas cautelares contra deputados estaduais e vereadores.

“Apesar das palavras terem a sua proximidade, não se pode confundir imunidade com impunidade. Não se trata de deixar de fazer a investigação, porque ela tem o curso, tem a sequência, que o senador possa se defender. Apenas o Senado entendeu que não caberiam as medidas cautelares que foram decididas por uma votação de desempate”, disse, referindo-se ao placar de 3 votos a 2 na Primeira Turma do Supremo.

De acordo com Álvaro Dias (PODE-PR), a votação de hoje demonstra que o Poder Judiciário não é independente e repassou ao Senado a prerrogativa de “julgar e interpretar a Constituição”. “O corporativismo instalado estabelece como regra a defesa dos seus integrantes, e não a defesa da instituição. Estamos na contramão do que deseja a sociedade brasileira. Pega mal para a instituição [Senado], que foi condenada hoje. Na defesa de um de seus integrantes, a maioria condenou a instituição. Há um desgaste inevitável”, criticou.

Após a votação, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), disse que conduziu a sessão cumprindo o Regimento Interno da Casa. “A decisão é do plenário [do Senado]. O presidente não vota, não faz encaminhamento de matérias, apenas conduz e declara o resultado, que foi favorável à derrubada da decisão [de impor as medidas cautelares]. Como cabia ao Senado, dito pelo próprio plenário do Supremo, os senadores entenderam por bem fazer essa decisão, e ela será respeitada”, declarou.

Histórico

Aécio Neves foi afastado do mandato, teve o passaporte retido e o recolhimento domiciliar noturno determinado pelo STF após pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) no inquérito em que o tucano foi denunciado por corrupção passiva e obstrução de Justiça, com base nas delações premiadas da empresa J&F.

Em junho, o parlamentar foi acusado e receber R$ 2 milhões em propina do empresário Joesley Batista, dono da empresa JBS, com o qual foi gravado, em ação controlada pela Polícia Federal, em conversas suspeitas.

O dinheiro teria sido solicitado pelo próprio Aécio, cujo objetivo seria cobrir despesas com advogados. Em troca, ele teria oferecido sua influência política para a escolha de um diretor da mineradora Vale. Ele nega as acusações, afirmando que a quantia se refere a um empréstimo particular.

Sobre a denúncia de obstrução de Justiça, Janot acusou Aécio de “empreender esforços” para interferir na distribuição de inquéritos na Polícia Federal, de modo a caírem com delegados favoráveis aos investigados.

Além de negar as acusações, o senador afirma que recebeu um empréstimo pessoal de Joesley que não envolve dinheiro público. Antes da votação, ele enviou uma carta aos colegas com os principais pontos de sua defesa.

Fonte: Com informações da Agência Brasi

Confira o resultado da Mega-Sena desta terça-feira; prêmio acumulou

Resultado de imagem para resultado da mega senaA Mega-Sena sorteou nesta terça-feira (17) um prêmio de R$ 2,5 milhões para quem acertasse as seis dezenas. O sorteio extraordinário, do concurso 1.978, foi realizado em São Paulo. Confira as dezenas:

02 - 06 - 22 - 44 - 55 - 57

Nenhum apostador acertou as seis dezenas e o prêmio acumulou. A previsão de prêmio para o próximo concurso, que será realizado na quinta-feira (19), é de R$ 4 milhões.

Vinte e nove apostas acertaram a quina e levam cada uma R$ R$ 30.492,05. Mais 2.089 apostas acertaram quatro dezenas e ganham cada uma um prêmio de R$ R$ 604,71.

A aposta mínima, de seis números, custa R$ 3,50, e pode ser feita em lotéricas de todo o país ou pelo aplicativo da Caixa Econômica Federal até as 19h (horário de Brasília).

Saiba como é calculado o prêmio
O valor arrecadado com o concurso da Mega-Sena não é totalmente revertido em prêmio para o ganhador. Parte do montante é repassada ao governo federal para investimentos nas áreas de saúde, educação, segurança, cultura e esporte.

Além disso, há despesas de custeio do concurso, imposto de renda e outros, que fazem com que o prêmio bruto corresponda a 46% da arrecadação. Dessa porcentagem:

35% são distribuídos entre os acertadores dos 6 números sorteados (sena);

19% entre os acertadores de 5 números (quina);

19% entre os acertadores de 4 números (quadra);

22% ficam acumulados e distribuídos aos acertadores dos 6 números nos concursos de final 0 ou 5.

5% ficam acumulado para a primeira faixa - sena - do último concurso do ano de final zero ou 5.

Não havendo acertador em qualquer faixa, o valor acumula para o concurso seguinte, na respectiva faixa de premiação.

Os prêmios prescrevem 90 dias após a data do sorteio. Após esse prazo, os valores são repassados ao Tesouro Nacional para aplicação no FIES - Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior.

Com informações da Agência Brasil

O Governador Wellington Dias em Parnaíba nesta quarta-feira: quer se redimir?!!!

Seja bem vindo a Parnaíba, governador! Mas não sei se dá para comemorar a entrega de algumas obras que estão sendo anunciadas para serem entregues hoje. Por exemplo: “depois de um longo e tenebroso inverno” vão inaugurar a Central de Flagrantes. Mas isso soma muito no combate à violência, quando se sabe que as polícias – civil e militar – estão totalmente desestruturadas, sem pessoal, sem o mínimo necessário para trabalharem? São homem valorosos, cujo valor o senhor parece não enxergar.
Entrega de 12 consultórios odontológicos para prática acadêmica do curso de odontologia da UESPI. Sim, e os demais cursos do Campus de Parnaíba, onde também faltam investimentos mínimos porque o senhor, nesses 12 anos que governa o Piauí, deixou sucatear? Não fez nada, por exemplo, pela reforma do prédio da antiga Escola Miranda Osório, onde funcionava o curso de direito. Ah, vai inaugurar também o Centro de Parto Normal do Hospital Dirceu Arcoverde. Isso não é muito pouco para quem tem prometido tanto?!!!
Mas, por que o senhor enganou o ex-prefeito Florentino Neto e seus vereadores, quando lhes prometeu em Teresina devolver à Parnaíba a Academia de Polícia? Por que o senhor nunca investiu no escritório do antigo IAPEP em Parnaíba? Por que vira as costas para o escritório local do Detran? O Espaço da Cidadania, no centro da Cidade, fechou por que?
Ah, governador! Pelas mentiras, promessas não cumpridas; pelo seu jeitão dissimulado, posando de bom moço, quando na verdade quer que Parnaíba se afunde, embora continue querendo mostrar o contrário para uma meia dúzia que o acompanha... por tudo isso o senhor merecia receber o título de persona non grata.

Sim, em nome de todos os piauienses que não conseguem entender como o senhor diz que as finanças do Estado estão “no osso” mas não toma uma providência efetiva, sequer,  para economizar. Perdulário, o senhor quer aumentar impostos, para que todos paguemos seus gastos excessivos e descontrolados, pura ambição política de quem deseja um quarto mandato e há muito esqueceu de governar. Seu foco é campanha política, permanentemente.
Qualquer governante sério teria vergonha de pagar tantos suplentes, políticos velhos, carcomidos, que o povo não elegeu, mas que o senhor os mantém na Assembleia, para lhe aprovarem as matérias, muitas delas muito longe de serem do interesse do povo. Mas, o ano que vem teremos eleições. E a gente vai se encontrar, na boca da urna. Passar bem!
Por Bernardo Silva

Força Tática apreende adolescente acusado de roubo em Parnaíba

Moto usada no assalto

Uma unidade da FT composta pelos Sargentos Fabriciane, João Paulo e o soldado David, foram acionados por volta das 20hs 20 desta terça-feira(17), para atender uma ocorrência de assalto em uma lanchonete na avenida Nossa Senhora de Fátima, bairro de Fátima em Parnaíba.

Ao chegar no local, os militares receberam a informação de que dois elementos andavam em uma moto biz de cor preta e placa PIP 3737, e que o garupa teria descido e tomado o celular de uma funcionária da lanchonete e fugindo na motocicleta com seu comparsa.

A informação da placa do veículo levou os militares até o endereço de uma residência na Travessa Tupi, bairro Ceará.

A moto investigada estava no terraço da casa. O filho do proprietário, um adolescente de 17 anos,  apareceu e acabou confessando o crime. Devolveu o celular da vitima aos policiais e foi levado apreendido para central de flagrantes.

No cartório criminal, o adolescente disse ao delegado que o garupa da moto era a pessoa com o pré-nome de Cleiton, mas não informou o endereço do mesmo, acrescentando que não sabia que seu amigo iria fazer o roubo.

O menor infrator será encaminhado na manhã de hoje ao Complexo do Menor no bairro Nova Parnaíba.

Portal do Catita